Africa Basquetebol

10 julho 2015

MOÇAMBIQUE : BASKET SHOW: Prova arranca em Nampula

O TORNEIO interescolar de basquetebol na categoria de sub-16, Basket Show, arranca este fim-de-semana na cidade nortenha de Nampula, envolvendo seis equipas masculinas que deverão disputar a prova em oito semanas.
O facto foi dado a conhecer ontem pelo administrador comercial da Mcel, empresa patrocinadora, Cláudio Chiche, no acto do lançamento do Basket Show, versão 2015, a nona edição.
Aliás, uma das grandes novidades é que este ano a competição passará a ser disputada nas três regiões do país, sendo que no norte, no caso concreto Nampula, será a primeira a arrancar com a prova, no sábado. Segue-se a zona centro, concretamente a cidade da Beira, cuja competição terá início a 25 do mês corrente.
Finalmente, em Maputo a prova terá início a 08 de Setembro, portanto, logo depois dos Jogos Escolares. Segundo Chiche, há um acordo com o Ministério da Educação e Desenvolvimento Humano no sentido de o Basket Show não decorrer em simultâneo com a festa do desporto escolar que terá lugar em Pemba, Cabo Delgado, de 15 a 24 de Agosto.
Na cidade de Maputo decorrem neste momento as eliminatórias para a fase final. Dezanove equipas lutam por 12 vagas em masculinos, enquanto 15 lutam por oito lugares em femininos.
Cláudio Chiche anunciou, por outro lado, a integração do segundo patrocinador da competição a multinacional chinesa Huawei, vocacionada em soluções tecnológicas, fabrico de telemóveis e operadora de telefonia móvel.
Esta empresa irá trabalhar de mãos dadas com a Mcel, até então o patrocinador exclusivo da competição, na premiação das equipas e atletas com telemóveis de alta gama, segundo garantiu o administrador Cláudio Chiche.
Destaca-se, por outro lado, o regresso da Televisão de Moçambique (TVM) como canal oficial do evento.
É um prazer abraçar um evento nobre
“É um prazer enorme ter a oportunidade de se juntar a um evento que encanta a juventude moçambicana, uma competição nobre como o Basket Show. Tudo faremos, na medida do possível, para abrilhantar o evento. Temos de salutar o trabalho desenvolvido pela Mcel nestes nove anos em que está com o Basket Show. Nós encarramos este evento como uma oportunidade de os moçambicanos mostrarem a sua solidariedade e acreditamos que isso irá acontecer. É nossa esperança continuar a ver as facilidades que a Mcel tem criado nos ingressos, com a possibilidade de alguns espectadores levarem consigo material escolar para ter acesso aos jogos. Havemos de aproveitar o evento para organizar as feiras e palestras de saúde, onde iremos falar da malária e outras doenças que apoquentam os moçambicanos”, disse Allen Yao, director-financeiro da Huawei-Moçambique.
FAREMOS COBERTURA À ALTURA
 “É com imenso agrado que nós, TVM, regressámos como a televisão oficial do Basket Show. Comprometemo-nos a dar alegria aos jovens, não só atletas, mas aos assistentes. Aos parceiros prometemos dar maior visibilidade à vossa imagem. Aos telespectadores dizer que podem contar connosco, pois iremos fazer uma cobertura à altura da dimensão do evento”, afirmou Irina Cumbe, da TVM.
AGRADECER AHUAWEI E A TVM
O promotor do evento, João Dominguez, congratulou-se com a integração da Huawei no lote dos parceiros do Basket Show e o regresso da TVM como o canal oficial da competição.
“É uma honra ter parceiros como a mcel e Huawei, mas é também gratificante ver a TVM a regressar à competição. Vamos todos fazer com que este competição seja a melhor e maior, pois tem tudo para o efeito”, disse João Dominguez.
Segundo Dominguez, o Basket Show irá decorrer em duas fases, sendo que na primeira as equipas estarão dividias em dois grupos (no caso de Nampula e Sofala) de três cada, apurando-se para a etapa seguinte os dois melhores classificados.
A segunda fase será a eliminar, começando nas meias-finais. Na cidade de Maputo teremos três grupos de quatro equipas cada, passando para a fase seguinte oito formações que terão de disputar os “quartos”.
Em todas as três zonas a prova terá a duração de oito semanas.
EIS AS ESCOLAS APURADAS POR ZONA
NAMPULA:Escolas Secundárias de Napepine, Namicopo, Muatala, Nampula, 12 de Outubro e Instituto Criança.
BEIRA:Escolas Secundárias da Ponta-Gêa, Samora Machel, Estrela Manhã, Santos Inocentes, América Board e Catedral.