Africa Basquetebol

30 março 2015

ANGOLA : Militares cimentam liderança



Os militares estão fortemente apostado na conquista do BIC Basket depois do fracasso da época transacta onde ficaram em branco
Fotografia: José Soares
A formação do 1º de Agosto continua de pedra e cal na liderança da do Grupo A da 37ª edição do Campeonato Nacional de basquetebol em seniores masculinos (BIC Basket), agora com sete pontos, mercê da dupla vitória na dupla jornada do final de semana.Os militares estão fortemente apostado na conquista do BIC Basket, depois do fracasso da época transacta e venceram de forma apertada a sempre difícil equipa do Atlético Sport Aviação (ASA), de Carlos Dinis, por 79-66.
Já no sábado, no Pavilhão Victorino Cunha, sob observação do seleccionador nacional que ontem mesmo deixou a capital do país, Luanda, com destino a Lisboa, os pupilos de Paulo Macedo voltaram a sentir dificuldades, para vergaram a turma adstrita à Polícia Nacional, por 85-79.Com a dupla vitória, o Clube Central das Forças Armadas Angolanas reforçou a liderança do Grupo A, agora com sete pontos, contra cinco do Recreativo do Libolo, no segundo lugar.A dupla jornada do final de semana ficou ainda marcada pela quarta derrota consecutiva dos campeões nacionais frente aos petrolíferos da capital na presente época desportiva.
Apesar de terem perdido o poste Valdelício Joaquim, que se transferiu para o grémio de Calulo, a equipa do Eixo-viário continua a vulgarizar o seu adversário. Sexta-feira, os pupilos de Lazare Adingono bateram os libolenses, por 94-87, elevando para quatro o número de triunfos na presente temporada, contra nenhum dos campeões nacionais.O Recreativo do Libolo conseguiu reagir em casa no sábado, quando recebeu e venceu de forma apertada o Atlético Sport Aviação (ASA), por 97-92, numa partida onde o técnico aviador queixou-se mais uma vez da actuação do trio de arbitragem.
Entretanto, a dupla jornada do final de semana ficou  marcada pelo adiamento da partida entre o Sporting de Benguela e Atlético Petróleos de Luanda.O desafio foi remarcado para o dia 10 de Abril próximo, em face do compromisso dos petrolíferos da capital na Taça de Angola. A equipa do Eixo-viário visita amanhã o arqui-rival, para a primeira mão das meias-finais da segunda maior competição a nível da "bola ao cesto" (Taça de Angola). As emoções da 37ª edição do Campeonato Nacional de basquetebol em seniores masculinos, agora designado BIC Basket, regressam apenas no próximo dia 10 de Abril, com a disputa da quarta jornada da aludida competição.A fase de grupos está a ser disputada no sistema de todos contra todos a uma volta.

Sub-23  - Selecção realiza último apronto
A Selecção Nacional de basquetebol masculino de sub-23 realiza hoje, no Pavilhão Anexo número dois a Cidadela Desportiva, a sessão derradeira de treino, antes de rumar viagem para a França, onde de 4 a 8 de Abril próximo vai competir no torneio internacional da modalidade.A viagem do combinado nacional acontece em princípio amanhã, terça-feira, apurou o Jornal dos Desportos junto do seleccionador nacional, Alberto de Carvalho "Ginguba".
Durante a primeira semana de preparação, o seleccionador nacional trabalhou insistentemente nos aspectos defensivos, sem descurar o capítulo ofensivo.Alberto de Carvalho "Ginguba" considera fundamental que a Selecção Nacional parta para o local da competição com os fundamentos defensivos bem apurados, tendo em vista uma participação auspiciosa na aludida prova que vai servir para dar maior rodagem competitivos aos jogadores.
O facto de alguns atletas chamados para a "operação França” estarem a competir no BIC Basket deixa satisfeito o seleccionador nacional."Vamos levar um grupo com alguma experiência já que alguns deles militam no BIC Basket logo, têm experiência competitiva", disse Alberto de Carvalho "Ginguba. Para o torneio internacional de França, Alberto de Carvalho “Ginguba” convocou 15 atletas, Carlos Cabral, Moussa Kicassa, Gerson Domingos, Alexandre Jungo, Cristiano Xavier, Simão Lutonda, Valdir Victoriano, Joaquim Pedro, Eric Amândio, Cristiano Gomes, Dilson Piedade, Milton Valente, André Domingos, Moisés César e Benvindo Kimbamba.

29 março 2015

ANGOLA : 1º de Agosto reforça liderança do grupo A do BIC Basket

Luanda - O 1º de Agosto venceu hoje, no pavilhão Victorino Cunha, em Luanda, o Interclube, por 85-79 em jogo da terceira jornada da fase de grupo do Campeonato Nacional de basquetebol sénior masculino (BIC Basket), e reforçou a liderança do Grupo A, com sete pontos.


No primeiro quarto, os militares ainda não bem organizados na defesa fizeram as honras da casa e venceu o adversário neste período, por diferença de cinco pontos (18-13).
Os polícias na segunda etapa, melhor organizada conseguiram contrariar a equipa caseira, e dominaram o quarto, por 41-35 a seu favor, resultado também do intervalo.
No reatamento (3º quarto), as duas agremiações entram mais equilibradas que a tónica do período foram os constantes empates, mas foi o Interclube que voltou a levar a melhor, por 60 – 59.
Os pupilos de Paulo Macedo, apesar da pequena desvantagem de um ponto entram tensos no último período face a confiança que o adversário ganhou nas duas etapas.
Já os orientados por Alberto Babo, aumentavam os índices de confiança e criavam enormes dificuldades aos opositores, que acabaram de triunfar na reta final por diferença de seis (85-79).
Em destaque na turma afecta as forças armada Angolana, o poste Reggie Moore com 29 pontos foi o melhor marcador, seguido Hermenegildo Santos com 17.
Na turma afecta ao ministério do interior, tiveram em evidência, Kevin Foster com 23 e Adilson Ramos com 11.
Com arbitragem de António Bernardo coadjuvado por David Manuel e Isaías Luamba, as equipa marcaram da seguinte forma:
1º de Agosto – Francisco Sousa (00), Edson Ndoniema (13), Armado Costa (04), Jone Pedro (00), Reggie Moore(27), Felizardo Ambrósio (07), Joaquim Gomes (15), Agostinho Coelho (00), Hermenegilgo Santos (17), Islando Manuel (00), Mohamed Malike (00) e Roderic Neal (02).
Técnico Paulo Macedo.
Interclube – Emanuel António (07), Eric Norman (03), Francisco Horácio (10), Osvaldo Viera (00), José António(02), Romenig Samba (07), Jorge Tati (02), Miguel Kiala (02),  Abdel Gomes (04), Kevi Foste (23), AndréMiguel (08) e Adilson Ramos (11).
Técnico: Alberto Babo.      
 
Na outra partida do dia do mesmo grupo, o Recreativo do Libolo derrotou no pavilhão Dream Space, o Atlético Sport Aviação (ASA), por 97-92.


ANGOLA : Federação altera data da final



Militares e petrolíferos protagonizam mais um clássico dos clássicos da bola ao cesto na próxima terça-feira no Pavilhão Victiorino Cunha
Fotografia: Paulo Mulaza
A área técnica da Federação Angolana de Basquetebol remarcou a final da Taça de Angola em basquetebol sénior masculino para o dia 17 de Abril, de acordo com o comunicado a que o Jornal dos Desportos teve acesso proveniente do órgão reitor da modalidade no país.

A final da segunda maior competição do país a nível da bola ao cesto estava inicialmente prevista para o dia 10 de Abril.
Na próxima terça-feira, a competição faz disputar a primeira mão das meias-finais, onde o desataque recai sem sombras de dúvidas para o confronto que vai colocar frente a frente o 1º de Agosto e Atlético Petróleos de Luanda, numa final antecipada.
Na outra meia-final, a formação do Recreativo do Libolo vai ter pela frente a modesta equipa do Progresso Associação Sambizanga.
Os desafios da segunda mão das meias-finais estão marcados para o dia 3 de Abril.
Os petrolíferos da capital que nos quartos-de-final afastaram o Grupo Desportivo Interclube, depois de terem superado uma desvantagem de quatro pontos, estão dispostos a reconquistar o troféu da Taça de Angola.
Para tal, têm de superar o 1º de Agosto, que à semelhança do seu arqui-rival, também está apostado na conquista da Taça de Angola.
Para atingir as meias-finais, a equipa rubra e negra deixou nos quartos-de-final a sempre difícil equipa do Atlético Sport Aviação (ASA), com dois triunfos no cômputo das duas mãos.
Ao contrário das edições anteriores, a final da segunda maior competição da bola ao cesto, remarcada para o dia 17 de Abril, é disputada de forma directa.
Numa reunião entre a direcção da federação angolana da modalidade e os representantes dos clubes, realizada no início da época desportiva 2014/2015, ficou decidido que a final da Taça de Angola doravante seja jogada numa única partida, ao contrário das duas mãos dos anos anteriores.

NACIONAL FEMININO SEM LOCAL DE DISPUTA
O Campeonato Nacional de basquetebol em seniores femininos referente à época desportiva 2015 vai decorrer de 16 a 27 de Junho, em local a determinar pela Federação Angolana de Basquetebol, de acordo com o comunicado a que o Jornal dos Desportos teve acesso.
Segundo ainda o comunicado, a reunião sobre a competição tem lugar no dia 15 de Junho, ou seja, um dia antes da bola começar a rolar.

BIC BASKET
Carlos Dinis assume luta com os grandes

O técnico do Atlético Sport Aviação (ASA), Carlos Diniz, afirmou sexta-feira que a sua equipa vai continuar a lutar com os grandes nesta fase final de grupos do Campeonato Nacional de basquetebol seniores masculinos (BIC Basket).
Em declarações à imprensa no final da partida disputada no Pavilhão Anexo II da Cidadela Desportiva, em que a sua equipa perdeu com o 1º de Agosto, por 66-79, disse que os jogadores têm dado o seu melhor para dignificar a camisola do ASA.
O técnico salientou que o jogo frente aos militares provou o quanto a equipa vai proporcionar grandes jogos, especialmente com os tidos como candidatos ao título.
“Fizemos um grande jogo. Começámos a ganhar nos dois primeiros quartos, mas a intervenção negativa dos três árbitros mudou a história do jogo”, frisou.
O ASA vai fazer tudo para ganhar pelo menos um jogo nesta fase de grupos, mas só é possível se os juízes deixarem de interferir negativamente.
Ontem, no jogo para a terceira jornada, o ASA defrontou o Recreativo do Libolo, no Pavilhão do Dream Space e  o 1º de Agosto recebeu o Interclube no Vitorino Cunha, mas até ao fecho da nossa edição desconhecíamos o resultado.

28 março 2015

ANGOLA : Moncho Lopez já em Luanda e reafirma ambição da conquista do Afrobasket2015

Luanda - O seleccionador nacional de basquetebol, o espanhol Moncho Lopez, reafirmou hoje a ambição de conquistar o Afrobasket2015, a realizar-se de 19 a 30 de Agosto próximo na Tunísia, cujo o vencedor apura-se aos Jogos Olímpicos de 2016, no Rio de Janeiro, Brasil.

Selecção Angolana Masculina de Baquetebol
Foto: Antonio Escrivao
Em declarações ao canal desportivo da Rádio Nacional de Angola no pavilhão anexo à Cidadela, Moncho Lopez afirmou ser um sonho treinar uma selecção africana muito representativa a nível mundial e tudo vai fazer para concretizar os objectivos preconizados, que passam pela conquista do Afrobasket2015. “Vamos trabalhar para conquistar esta competição e consequentemente o apuramento aos Jogos Olímpicos, onde tentaremos fazer uma boa figura”, realçou.
De acordo com o treinador, tudo será feito no sentido de mostrar que a aposta depositada em si foi a mais acertada, apesar de reconhecer a capacidade dos técnicos nacionais.
O técnico que já se encontra em Luanda tem feito trabalhos de observação nos jogos do Campeonato Nacional de basquetebol sénior masculino (BIC Basket). Hoje testemunhou a vitória do 1º de Agosto frente o Atlético Sport Aviação (ASA), por 79-66, em jogo a contar para a segunda jornada disputado no pavilhão anexo à Cidadela.
Quinta-feira já esteve no triunfo do Petro de Luanda frente o Recreativo do Libolo, por 94-87, no mesmo recinto.
Durante os dois encontros, o seleccionador fez várias anotações, que lhe permitirão ter uma maior visão dos atletas a serem convocados para os próximos compromissos do cinco nacional.

ANGOLA : ASA vai continuar a lutar com os grandes - Carlos Diniz

Luanda - O técnico do Atlético Sport Aviação “ASA”, Carlos Diniz, afirmou sexta-feira, em Luanda, que a sua equipa vai continuar a lutar com os grandes nesta fase final de grupo do campeonato nacional de basquetebol seniores masculinos (BIC Basket).

Em declarações à imprensa no final da partida disputada no pavilhão anexo II da Cidadela Desportiva, em que a sua equipa perdeu para o 1º de Agosto, por 66-79, disse que os jogadores têm dado o seu melhor para dignificar a camisola do ASA.
O técnico salientou que o jogo frente aos “militares” provou o quanto a equipa vai propulsionar grandes jogos com os adversários, especialmente os tidos como candidatos ao titulo.
“Fizemos um grande jogo; começamos a ganhar nos dois primeiros quartos, mas com a intervenção negativa dos três árbitros mudou a história do jogo, frisou.
Acrescentou que o ASA vai fazer tudo para ganhar pelo menos um jogo nesta fase de grupo, mas que sou será possível se os juízes deixarem de interferir negativamente.
Sábado, no jogo para a terceira jornada, o ASA vai defrontar o Recreativo do LIbolo, no Pavilhão do Dream Space.. O 1º de Agosto recebe o Interclube no Vitorino Cunha.

ANGOLA : 1º de Agosto derrota ASA e reassume liderança do BIC Basket

Luanda - O 1º de Agosto venceu hoje, no pavilhão anexo da cidadela, em Luanda, o Atlético Sport Aviação (ASA), por 79-66, em jogo da segunda jornada da fase de grupo do Campeonato Nacional de basquetebol sénior masculino (BIC Basket), reassumindo a liderança do Grupo A, com cinco pontos.

Basquetebol: Atletas do 1º de Agosto
Foto: Clemente
Depois de ver o arqui-rival Petro de Luanda passar para frente na classificação quinta-feira (quatro pontos), após derrotar o Libolo, por 94-87, hoje os militares entraram na quadra com o pensamento na vitória, mas encontraram grandes dificuldades para superar os aviadores, sobretudo na primeira parte, onde saíram em vantagem de apenas dois pontos (33-31).
Em destaque na turma do Rio Seco esteve Gildo Santos, ao anotar 16 pontos. O melhor marcador da partida foi o atleta aviador Henrique Babo, Com 20 pontos.
Sábado o 1º de Agosto recebe, no pavilhão Victorino Cunha, o Interclube, para a terceira jornada, enquanto o ASA visita o Libolo.


27 março 2015

MOÇAMBIQ|UE : Maxaquene-Ferroviário forte atractivo nos masculinos

MAXAQUENE-Ferroviário é o jogo de cartaz da oitava jornada do Campeonato de Basquetebol da Cidade de Maputo em seniores masculinos que terá lugar amanhã a partir das 17.30 horas.
Ferroviário, líder da prova, é candidato a somar os dois pontos, embora o Maxaquene tenha uma palavra a dizer.
Outro forte atractivo da ronda é o Costa do Sol-Desportivo agendado também para amanhã no pavilhão dos “alvi-negros” a partir das 17.00 horas. Noutras partidas marcadas para amanhã, o Aeroporto bate-se com A Politécnica às 15.30 horas no pavilhão da primeira equipa, enquanto UP “A” e “B” jogam às 18.00 horas no campo do Ferroviário.
Hoje realiza-se a sétima jornada sem jogos de grande interesse. Destaque para o Maxaquene-Costa do Sol agendado para o pavilhão dos “tricolores” a partir das 20.15 horas. Há ainda um Desportivo-UP “A” marcado para a mesma hora no recinto da primeira formação, enquanto o comandante, Ferroviário, joga no reduto da A Politécnica também a mesma hora.
Às 19.00 horas , UP “B” e Aeroporto medem forças  no campo do Ferroviário de Maputo.
Em seniores femininos, os extremos vão se tocar, ou seja o Ferroviário, primeiro classificado, visitará o reduto do Desportivo, último classificado, em jogo agendado para hoje às 18:30 horas, inserido na sexta jornada.
O desafio mais importante da ronda será entre o Maxaquene e o Costa do Sol e está marcado para as 18.30 horas. À mesma hora, A Politécnica, segundo classificado, recebe a UP.

ANGOLA : Petro de Luanda vence Libolo e lidera o grupo A

uanda - O petro de Luanda derrotou hoje (quinta-feira) o Recreativo do Libolo, por 94 -87, na segunda jornada da fase de grupo do campeonato nacional de basquetebol seniores masculinos "BIC Basket" e lidera o Grupo A com quatro ponto

Na partida disputada no pavilhão anexo II da Cidadela Desportiva, o extremo base do Libolo Carlos Morais destacou-se como melhor marcador com 27 pontos, seguido de Emanuel Quezada (Petro), com 25.
Ao intervalo, a formação do eixo-viário já vencia o adversário por dez pontos de diferença (43-33).
Com arbitragem de David Manuel, Francisco Tando e Francisco Pacheco, as equipas alinharam da seguinte forma:
Petro de Luanda – Pedro Basto (00 pontos), Roberto Forte (19), Valdimir Januário (04), Paulo Santana (00), Emanuel Quezada (25), Leonel Paulo (13), Domingos Bonifácio (02), Hermenegildo Mbunga (13), João Fernandes (00), Gerson Gonçalves (02), Eduado Ferreira (00) e Jason Cain (16).
Técnico: Lazare Adingono
Recreativo do Libolo: Luís Costa (03), Carlos Morais (27), Elmer Felix (00), Bráulio Morais (16), Ezequiel Silva (00), Valdelício Joaquim (21), Filipe Abraão (02), Eduardo Mingas (14), Joseney Joaquim (02), Benvindo Quimbamba (02), Milton Barros (00) e Manda João (00).
Técnico: Norberto Alves.

Benjamim Avô reconhece momentos críticos frente ao Libolo

Luanda - O técnico adjunto da equipa sénior masculina de basquetebol do Petro de Luanda, Benjamim Avô, afirmou hoje (quinta-feira), em Luanda, que a sua equipa teve momentos crítico na vitoria, por 94-87, diante do Recreativo do Libolo, na partida disputada no pavilhão anexo II da Cidadela Desportiva.

Em declarações à imprensa no final da partida da segunda jornada da fase de grupo do campeonato nacional da modalidade (BIC Basket), o técnico disse que a sua equipa fez um excelente jogo até ao terceiro período do encontro.
O adjunto de Lazare Adingono afirmou que os seus pupilos no último período quebraram o ritmo e criaram expectativas no adversário, que por vários momentos ficaram à frente do marcador.
Por outro lado, o técnico do Recreativo do Libolo, Norberto Alves, apontou a perca dos ressaltos defensivos da sua equipa como motivos da derrota diante do Petro de Luanda.
"Cometemos muitos erros ofensivos e defensivos de baixo da tabela e quando assim acontece o adversário ganha confiança faz muitos pontos e por mais vontade que se tenha de ir atrás do prejuízo nada se consegue", frisou.
Norberto Alves salientou que vão reflectir sobre os erros cometidos no jogo e trabalhar para que não voltem a acontecer.

Na próxima jornada (terceira), o Recreativo do Libolo defronta o Atletico Sport Aviação (ASA). A formação do Eixo-viário, está liderar o Grupo A com quatro pontos e o Libolo e 1º de Agostos seguem-se com dois cada.

26 março 2015

ANGOLA : Petro e Libolo saldam dívidas



Petro e Libolo protagonizam esta noite jogo de cartaz para o Grupo A
Fotografia: Jornal dos Desportos
A formação do Atlético Petróleos de Luanda recebe hoje, a partir das 18h00, no Pavilhão Anexo número dois na Cidadela Desportiva, o Recreativo do Libolo, em partida de antecipação à segunda jornada do Grupo A da 37ª edição do Campeonato Nacional de basquetebol em seniores masculino (BIC Basket), com o pensamento virado para o assalto à liderança da referida competição.
As duas agremiações partilham a segunda posição da tabela classificativa do Grupo A,  com dois pontos, resultante de uma vitória cada, contra três da equipa do 1º de Agosto, que apenas joga amanhã com o Atlético Sport Aviação (ASA), a partir das 18h00, no Pavilhão Anexo número dois na Cidadela, no prosseguimento da ronda número dois.
O desafio entre petrolíferos e libolenses estava inicialmente marcado para amanhã, às 18h00, no Pavilhão Principal da Cidadela Desportiva, mas por indisponibilidade do recinto, a área técnica da Federação da modalidade antecipou o encontro para o princípio da noite de hoje.Depois de ter vencido de forma apertada o Atlético Sport Aviação (ASA), por 95-88, na ronda inaugural do Grupo A, a equipa do Eixo-viário vai procurar esta noite alcançar a  segunda vitória na competição, ante um adversário que já sacudiu a crise de resultados que enfrentou durante a fase regular da 37ª edição do BIC Basket.
Em caso de vitória, os petrolíferos da capital podem assumir, ainda que de forma provisória, a liderança do Grupo A, com quatro pontos.Entretanto, o mesmo  pode-se dizer da formação do Recreativo do Libolo, que conta já nesta altura com os préstimos do internacional angolano, Carlos Morais, MVP (Jogador Mais Valioso) do último Campeonato Africano das Nações, vulgo Afrobasket, prova disputada em 2013, em Abidjan, capital da Costa do Marfim, após um longo período de ausência devido a lesão no joelho esquerdo.
A liderança do BIC Basket eleva  a expectativa da partida, que deve ser jogada sob o signo do equilíbrio, a julgar pelo potencial dos dois planteis.O ranking da presente época desportiva joga a favor do Atlético Petróleos de Luanda, que já conseguiu três vitórias, contra nenhuma do seu opositor. Os pupilos de Lazare Adingono derrotaram os libolenses em pleno Pavilhão do Dream Space, 91-100, e na segunda volta da fase regular do BIC Basket, a equipa do Eixo-viário voltou a vencer por chapa cem (104-70).Já para a final da Supertaça Wlademiro Romero, prova disputada na província de Malanje, os petrolíferos venceram por 88-75.E hoje como será?.
Os amantes da “bola ao cesto” vão seguramente ter a resposta no final dos 48 minutos regulamentares.O prélio desta noite vai ser forte na luta entre as várias áreas de jogo. Por exemplo, na luta debaixo das tabelas Leonel Paulo e Hermenegildo Mbunga, Atlético Petróleos de Luanda, Eduardo Mingas e Valdelício Joaquim (Libolo) vão travar um duelo interessante, ao passo que a nível dos extremos Carlos Morais (Libolo) e Roberto Fortes (Petro) vão ser os protagonistas.Emanuel Quezada (Petro) e Milton Barros (Libolo) vão travar um despique na posição um (base). O extremo base, Olímpio Cipriano, continua a desfalcar o grupo orientado por  Norberto Alves.

GRUPO A   
                                    J     V    D     PM-PS    Pts
1º 1º de Agosto           01    01   0     90-75     03
2º Libolo                     01     01   0     87-74     02
3º Petro                      01     01   0    95-88      02
4º ASA                       01    00   01   88-95      01
5º Interclube              01    00    0\   74-87     01
6º Sporting                01    00    01  75-90      01

GRUPO B   
                                    J     V    D     PM-PS    Pts1º Lusíada                 01   01    0     83-74      02
2º Progresso             01   01    0     72-64     02
3º Vila                       01   00   01    75-83     01
4º Marinha                01   00   01    64-72     01

25 março 2015

ANGOLA : Selecção aprimora o física



Na preparação Alberto de Carvalho privilegiou aspectos técnicos e tácticos para o conjunto que disputa em França uma prova internacional
Fotografia: Jornal dos Desportos
Aprimoramento da componente física sem descurar os aspectos técnicos a tácticos vão marcar os oito dias de preparação da Selecção Nacional de basquetebol masculino, na categoria de sub-23, que projecta a  participação para o torneio internacional de França, prova a decorrer de 4 a 8 de Abril.
Depois de ter arrancado ontem com os trabalhos de preparação, no Pavilhão Anexo número dois da Cidadela Desportiva, sob batuta do técnico Alberto  de Carvalho “Ginguba”, hoje, a partir das 10h00, o combinado nacional volta a treinar, no mesmo recinto, em sessão única do dia. “Infelizmente, temos  uma sessão para prepararmos o grupo de atletas que vão representar Angola no torneio internacional. Vamos aproveitar os oito dias para trabalharmos a componente física, fundamentalmente, porque pretendemos estar em grande na prova.
Os aspectos técnicos e tácticos, com principal realce para os aspecto defensivos serão igualmente revisto durante a nossa preparação”, asseverou ao Jornal dos Desportos o seleccionador nacional de sub-23. Apesar do pouco tempo que resta para o início da competição, Alberto de Carvalho "Ginguba", mostra-se confiante no grupo de atletas que escolheu para "operação" França.
“Nós vamos aproveitar os poucos dias de preparação para formarmos um grupo coeso. Infelizmente, não temos informações relativamente às selecções que vão estar presentes no torneio internacional. Ainda assim, nós vamos trabalhar para fazermos uma boa figura na prova”, disse.
Transições rápidas defesa ataque jogadas de um contra um, um contra dois e um contra três, vão dominar esta manhã a segunda sessão de treinos da Selecção Nacional de sub-23.
Alexandre Jungo, Milton Valente e Eric Amândio constituem os principais rostos da Selecção. Os atletas acima referenciados sagraram-se em 2013, em Antananarivo, capital do Madagáscar, campeões africanos de sub-16,  participaram em 2014 no Campeonato do Mundo de sub-17. Ontem, no primeiro dia de preparação, Alberto de Carvalho “Ginguba” privilegiou os aspectos técnicos e tácticos, ensaiou alguns diagramas defensivos e jogadas de um contra um, e um contra dois.
Para o torneio internacional de França, Alberto de Carvalho “Ginguba” convocou 15 atletas, designadamente, Carlos Cabral, Moussa Kicassa, Gerson Domingos, Alexandre Jungo, Cristiano Xavier, Simão Lutonda, Valdir Victoriano, Joaquim Pedro, Eric Amândio, Cristiano Gomes, Dilson Piedade, Milton Valente, André Domingos, Moisés César e Benvindo Kimbamba.

24 março 2015

ANGOLA : Petrolíferos preparam recepção aos libolenses



Jogo do Petro com o campeão Libolo é a partida de cartaz na segunda ronda do Bic-basket
Fotografia: Jornal dos Desportos
O Atlético Petróleos de Luanda prepara com todos os cuidados a recepção ao Recreativo do Libolo, com quem jogo esta sexta-feira, no Pavilhão Principal da Cidadela Desportiva, em partida de maior cartaz da segunda jornada do Grupo A da 37ª edição do Campeonato Nacional de basquetebol, em seniores masculinos (BIC Basket).
Hoje, Lazare Adingono, vai orientar mais uma sessão de treinos, onde vão ser ensaiadas as estratégias para suplantar os campeões nacionais.
Transições rápidas defesa ataque, circulação da bola em todas as áreas de jogo e lançamentos a curta e longa distância dominaram ontem a primeira sessão da semana.
Os petrolíferos da capital voltam a trabalhar hoje, na correcção dos aspectos técnicos e tácticos. Depois de ter vencido na jornada inaugural, a equipa do Eixo-viário pretendem manter-se na senda das vitórias. Tal como os petrolíferos da capital, os libolenses preparam igualmente o desafio de sexta-feira, no Pavilhão Principal da Cidadela Desportiva.
Depois da integração do internacional angolano, Carlos Morais, os campeões nacionais melhoraram significativamente o seu jogo ofensivo. Ainda para o Grupo A, o Atlético Sport Aviação (ASA) defronta a formação do 1º de Agosto, ao passo que o Grupo Desportivo Interclube recebe a visita do Sporting de Benguela. No Grupo B, a Lusíada mede forças com o Progresso Associação Sambizanga.
M.C