Africa Basquetebol

15 abril 2013

ANGOLA : Libolo e Petro acertam pormenores


Libolenses e petrolíferos buscam primeiro troféu da época desportiva 2012/2013
Fotografia: Jornal dos Desportos
Libolo e Petro continuam a acertar alguns pormenores, tendo em atenção a disputa da primeira mão da final da Taça de Angola de Basquetebol, cuja primeira mão está marcada para amanhã, no Pavilhão do Dream Space, em Viana.
Depois de terem terminado as respectivas participações na fase de Grupos do Campeonato Nacional, na sexta-feira, petrolíferos e libolenses viraram logo as baterias para a segunda maior competição.
As duas formações têm prestações diferentes no BAI Basket, fundamentalmente na fase de grupos, onde os actuais campeões nacionais em título (Libolo) suplantaram a equipa do Eixo-viário na tabela classificativa, tendo assumido o segundo lugar do grupo A, contra o quarto posto dos petrolíferos da capital.
Equiparados em termos de valores individuais, libolenses e petrolíferos vão seguramente proporcionar um grande espectáculo.
Esta manhã, as duas colectividades voltam a treinar. Sem qualquer problema no capítulo de saúde, o camaronês ao serviço do Atlético Petróleos de Luanda vai poder contar com todas as suas unidades para o embate de amanhã. No Recreativo do Libolo também se respira saúde, factor que pode contribuir para um bom espectáculo, dado que as duas agremiações vão poder contar com todas as suas estrelas.
Depois de terem afastado a formação militar nas meias-finais, curiosamente, detentora do ceptro, os libolenses estão apostados em conquistar pela segunda vez a segunda maior competição do país da “bola ao cesto”. Os petrolíferos da capital deixaram pelo caminho o ASA. A segunda mão acontece no dia 19, no Pavilhão Anexo número dois da Cidadela. Em caso de igualdade em termos de vitórias, recorre-se a uma finalíssima.

BILHETES
Organização coloca ingressos à venda

A Casa Real, empresa organizadora da XXV edição da Taça de Angola de Basquetebol, colocou 500 ingressos à venda para o desafio da primeira mão da final. Os bilhetes começaram a ser comercializados no último sábado nas bilheteiras do Complexo da Cidadela Desportiva, ao preço único de 500 kwanzas, disse o director executivo da Casa Real, Adilson de Sousa.
De acordo com aquele responsável, a procura tem sido bastante e acredita que até às primeiras horas de amanhã, os ingressos devem esgotar.
“Começámos a comercializar os ingressos no sábado e nesta altura temos quase vendido cerca de 300 bilhetes. Estamos a pensar colocar cerca de 150 ingressos no Pavilhão do Dream Space até às primeiras horas da manhã de terça e não tenho dúvidas de que os bilhetes vão esgotar”, disse.
Polícias, militares e crianças têm acesso livre no Pavilhão do Dream Space, segundo ainda Adilson de Sousa, que prometeu colocar forças de segurança para garantir a ordem quer no interior, quer no exterior da quadra de jogo, que vai estar certamente com lotação esgotada.

5 Comments:

Enviar um comentário

<< Home