Africa Basquetebol

13 maio 2014

ANGOLA : 1º de Agosto conquista campeonato províncial de basquetebol

O 1º de Agosto conquistou hoje, em Luanda, o campeonato provincial de Luanda de basquetebol sénior feminino, ao derrotar o interclube por 68-47, num jogo disputado no Pavilhão Victorino Cunha.

Basquetebol feminino, 1º Agosto x Interclube de Angola
Foto: António Escrivão
Participaram no campeonato o Grupo Desportivo do Maculusso, Universidade Lusíada , Interclube de Angola e o 1º de Agosto.
A formação da Polícia  (Interclube de Angola) foi a campeã da edição passada.

 Diz Jaime Covilhã

Ganhamos uma grande equipa, independentemente do resultado do desafio (68-47), afirmou o técnico da equipa sénior feminina de Basquetebol do 1º de Agosto, no final do jogo da última ronda do campeonato provincial de Luanda, que foi disputado segunda-feira no Rio Seco, pavilhão Victorino Cunha.

Jaime Covilhã, técnico da equipa sénior feminina de Basquetebol do 1º de Agosto
Foto: Clemente Dos Santos
Falando à imprensa, o técnico disse que a equipa adversária " é muito forte mas que a todo custo procuraram ir atrás do resultado pois depois do segundo quarto já venciam por 23 pontos de diferença.
"E naturalmente a minha equipa ganhou bem, é uma vitória que não merece contestação e a diferença pontual é fruto do empenho dos meus atletas", sublinhou o entrevistado.

Apolinário Paquete reconhece superioridade do adversário

Luanda - O técnico da equipa sénior feminina da basquetebol do Inter de Angola, Apolinário Paquete, reconheceu hoje, em Luanda, a superioridade do 1º de Agosto sobre o seu conjunto (68 - 47), em jogo da última ronda do campeonato provincial de Luanda, disputado no pavilhão Victorino Cunha.


Treinador do Interclube e Angola, Apolinário Paquete
Foto: Angop
Em declaração à  imprensa, o técnico afirmou que a equipa militar foi muito superior. " Há que dar mérito ao adversário porque eles venceram bem, a vitória deles não merece nenhuma contestação" .
Disse que os seus atletas tentaram a todo custo ir atrás do resultado, mas não conseguiram. " Vamos reflectir para ver onde falhamos".

6 Comments:

Enviar um comentário

<< Home