Africa Basquetebol

13 setembro 2006

ANGOLA : Miguel Lutonda diz ter substitutos a altura na selecção nacional


O base principal do 1º de Agosto e da selecção nacional, Miguel Lutonda, garante ter já substitutos a altura no cinco angolano nos próximos anos.

O jogador falava segunda-feira à Angop durante o jantar de premiação pela prestação no Campeonato do Mundo da modalidade, que decorreu de 19 de Agosto a 03 de Setembro, no Japão.

"Os meus colegas Milton Barros (Petro de Luanda) e Armando Costa (1º de Agosto) são os mais directos candidatos a minha sucessão, que poderá acontecer em 2007, depois do Afrobasket que o país vai albergar", afirmou.

Informou que pediu ao seleccionador nacional para que não fosse convocado para os jogos da Lusofonia, de Outubro, em Macau, por estar cansado e precisar de mais tempo para a família, enquanto pensa na Taça dos Clubes Campeões.

"Preciso de repouso, porque a temporada foi muito desgastante quer ao nível do clube, bem como da selecção, onde pretendíamos fazer história e acabamos por conseguir fruto do espírito de equipa", declarou.

Considera os jogos da Lusofonia uma oportunidade para "jogadores mais novos começarem a ganhar a experiência internacional", numa perspectiva da preparação para o Afrobasket.

Relativamente a sua prestação no mundial, Lutonda afirmou que já fez exibições melhores em competições internacionais, mas realçou o esforço de todos os jogadores para que se qualificassem para a segunda fase.

"Estou contente com a forma como os novos jogadores se estrearam, isto mostra que o futuro está garantido. Mas os atletas devem continuar a trabalhar arduamente nos seus clubes", afirmou.

Miguel Lutonda, 1.86 m, 34 anos, contribuiu para Angola apurar-se aos oitavos de final e obter a nona posição final, factos inéditos. Destacou-se com 17 pontos na estréia contra o Panamá e 18 frente a Espanha. Conseguiu 16 assistências e marcou 49 pontos nos seis encontros realizados no Mundial Japão2006.

Milton Barros, 1.84 m, 22 anos, e Armando Costa, 1.91m, 23 anos, fizeram a sua estréia em campeonatos do mundo. O primeiro jogou 127 minutos e o segundo 12, numa prova em que Angola realizou seis partidas.

15 Comments:

Enviar um comentário

<< Home